Notícias

04 Mai 2016 | 11h21

Degradação do solo preocupa na região do Vale do Mucuri e do Rio Doce

Uberaba, 4/5 - A região do Vale do Mucuri e Vale do Rio Doce, no norte mineiro, é a que mais preocupa em termos de degradação de pastagens no Estado, disse nesta quarta-feira, 4, o diretor técnico da Emater-MG, João d'Angelis. "Há um processo de erosão, de degradação nessa região e temos uma preocupação com ela", comentou nos bastidores da Expozebu Dinâmica, evento que faz parte da 82ª Expozebu, em Uberaba (MG), promovida pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ). "O uso de tecnologias de preservação do solo deveria ser prerrogativa para liberação de crédito para os produtores", defendeu.

Conforme ele, tal região necessita explorar o sistema de Integração entre Lavoura e Pecuária (ILP), algo que já ocorre de forma consistente nas regiões do Triângulo Mineiro e do Alto Paranaíba.

A Expozebu Dinâmica, em sua terceira edição, expõe máquinas voltadas ao setor e destaca trabalhos em genética, ILP e Integração entre Lavoura, Pecuária e Floresta (ILPF). Durante a abertura oficial do evento, que ocorre até sexta-feira (6), foi assinado um convênio de cooperação entre ABCZ e a Embrapa Cerrados, para pesquisa, desenvolvimento e adoção de tecnologias voltadas à atividade pecuária.

*O jornalista viaja a convite da Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ)

Fonte: Q10/Estadão Conteúdo

SAC - Serviço de Atendimento Castrolanda
0800.421050 | 42 3234.8000