• Dólar Comercial - R$ 3,1700
  • Dólar Paralelo - R$ 3,3500
  • Dólar Turismo - R$ 3,3230
  • Dólar Ptax - R$ 3,1673
  • Euro x US$ - US$ 1,17913
  • Euro X R$ - R$ 3,7380

Notícias

26 Nov 2015 | 17h19

Sensilize Israel: falta formação para uso de tecnologia no campo

São Paulo, 26 - As tecnologias estão cada vez mais presentes no campo, mas ainda falta formação educacional para o uso dessas ferramentas, avaliou o presidente da empresa de tecnologia Sensilize Israel, Robi Stark, nesta quinta-feira, 26, no Summit Agronegócio Brasil 2015, realizado pelo jornal "O Estado de S. Paulo" com patrocínio da Faesp.

Para o executivo é preciso treinar os novos agrônomos sobre como a tecnologia deve ser aplicada. "É preciso trabalhar melhor a coleta de dados, saber quando e como coletar para ser proativo e estar à frente, com projeções para isso", afirmou Stark.

O executivo comentou sobre as principais tendências tecnológicas agrícolas, entre elas, o uso de drones ou veículos aéreos não tripulados (Vants), para monitoramento de lavouras. Os equipamentos que podem coletar informações para auxiliar, por exemplo, a racionalizar o uso de fertilizantes. Segundo ele, existem vantagens no uso dos equipamentos em relação aos tripulados, já que eles podem voar a alturas mais baixas e captar imagens com melhor resolução.

Robótica é apontada também como uma nova tendência na agricultura. Os robôs podem ser usados para tarefas mais sensíveis as quais outras máquinas não são capazes de realizar, como a colheita de frutas. Stark citou ainda o uso de sensores que podem ser distribuídos nas lavouras e captar dados mais precisos sobre solo e desenvolvimento de plantas.

O agronegócio de Israel é hoje um dos mais tecnológicos do mundo e, segundo Stark, apesar da pouca área territorial, o país conseguiu impulsionar sua produção baseando-se em tecnologias para isso.

Fonte: Q10/Estadão Conteúdo


NOSSAS PUBLICAÇÕES

SAC - Serviço de Atendimento Castrolanda
0800.421050 | 42 3234.8000